PV se reúne hoje para começar a decidir apoio no segundo turno

Com a maioria de seus dirigentes insatisfeitos com os rumos da campanha presidencial, a Comissão Executiva Nacional do Partido Verde se reúne hoje no Distrito Federal para começar a decidir se a legenda apoiará algum candidato no segundo turno. No primeiro turno, a candidata do PV, Marina Silva, conquistou quase 20% dos votos válidos e seu apoio passou a ser vista pelas campanhas da petista Dilma Rousseff e do tucano José Serra como uma espécie de fiel da balança..

Marcelo de Moraes, O Estado de S.Paulo

13 Outubro 2010 | 00h00

O encontro de hoje serve como preparação para a reunião nacional do PV, no próximo domingo, que oficializará a decisão política a ser tomada por Marina e pelo partido. Mas, na prática, já poderá tirar o indicativo do rumo a ser seguido. Pelo menos três dos mais importantes diretórios do PV - Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais - já estão apoiando Serra.

A dúvida está no comportamento a ser adotado por Marina. A senadora não escondeu suas críticas à troca de ataques entre Dilma e Serra no primeiro debate do segundo turno e cobra a adoção de propostas defendidas pela sua candidatura. Segundo interlocutores da candidata, Marina e seu vice, Guilherme Leal, estariam hoje mais propensos a manter a neutralidade no segundo turno, especialmente pela falta de compromisso com os temas da campanha do PV.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.