Quadrilha de estelionatários é presa em MG

Seis pessoas foram detidas por fazerem compras com cheques sem fundos; a polícia cumpriu cinco mandados de busca e apreensão

Priscila Trindade, Central de Notícias

25 Março 2011 | 11h34

SÃO PAULO - Seis pessoas foram presas nesta quinta-feira, 24, em Minas Gerais, suspeitas de integrar uma quadrilha de estelionatários que atuava nas cidades de Ipatinga e Caratinga. O bando estava sendo investigado há três meses pela polícia.

 

Com duas empresas abertas, uma de informática e outra de produtos agrícolas, eles aplicavam golpes em comerciantes ao fazer compras com cheques sem fundo. Em seguida, os produtos eram revendidos. A operação para prender os suspeitos teve início as 5 horas da manhã. Vinte policiais participaram da ação.

 

Ontem, foram cumpridos cinco mandados de busca. No período da noite, outro suspeito se entregou à polícia. Nas casas dos suspeitos foram encontrados R$ 2.300,00 em dinheiro, duas CPUs, um notebook, munição para calibre 32, celulares, além de notas fiscais e promissórias e talões de cheque.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.