Queda no Serpro afeta sistema de Detrans e do imposto de renda

Falha na proteção contra queda de energia afetou sistema pela manhã; problema foi resolvido, segundo governo

Marília Lopes e Adriana Fernandes, Central de Notícias e Agência Estado

02 Março 2011 | 11h09

SÃO PAULO e BRASÍLIA - O Sistema Federal de Processamento de Dados (Serpro) foi atingido por um novo problema na manhã desta quarta-feira, 2. Por isso, sistemas do governo que utilizam a base de dado e transmissão, como os Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans) e o de envio de declarações do imposto de renda na Receita Federal não funcionaram em sua totalidade pela manhã.

 

De acordo com o Serpro, o problema ocorreu por causa de uma falha no sistema de proteção contra variações de energia elétrica. O sistema confirmou que a rede do Detran em vários Estados foi afetada, mas, segundo a assessoria do órgão, aos poucos, os sistemas estão voltando ao funcionamento. O Serpro disse ser difícil especificar onde os serviços ficaram inoperantes.

 

O Detran do Rio de Janeiro disse que funcionou apenas por 11 minutos nesta quarta-feira. De acordo com a assessoria do departamento, poucos minutos após o início do funcionamento o sistema foi afetado pelos problemas do Serpro. Em São Paulo, a assessoria informou que alguns serviços não funcionavam - como expedição de documentos - e outros operavam com oscilação desde o início da manhã.  Já no Paraná, o problema atingiu o sistema às 8h45 e, até o fim desta manhã, suspendia todos os serviços.

 

O sistema de envio das declarações IRPF também enfrentou o apagão nesta manhã. A Receita informou que os contribuintes não estavam conseguindo enviar a declaração de 2011, ano base 2010. O contribuinte conseguia copiar o programa da página da Receita, mas tinha problema no envio.

 

O supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, disse há pouco que o problema é passageiro e previu que, por volta do meio-dia, estará solucionado. Segundo o Serpro, pouco antes desse horário, os problemas com o envio da declaração já haviam sido solucionados. De acordo com o Serpro, foi um período muito rápido no qual o contribuinte ficou impossibilitado de enviar a declaração.

 

De acordo com a assessoria do Serpro, o seu centro de dados em São Paulo ficou fora do ar, por causa da queda de energia. O problema afetou os sistemas em vários Estados.

 

Atualizado às 11h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.