1. Usuário
Assine o Estadão
assine

R$ 1,3 milhão é encontrado em carro no aeroporto de Goiânia e intriga PF

Marília Assunção - Especial para o Estado

04 Março 2014 | 13h 35

Veículo estava aberto e, dentro dele, além do dinheiro, estavam as chaves e até os documentos do carro em um envelope plástico

GOIÂNIA - Um mistério envolvendo mais de 1,3 milhão, entre notas de dólares e de reais, intriga as polícias Militar e Federal em Goiás. O dinheiro foi encontrado nesta terça-feira, 4, no estacionamento do Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia, dentro de uma picape Strada vermelha, placa ONO 9860, estacionada no local desde a quinta-feira, 27, e que estaria registrada no nome de uma mulher. O carro estava com as portas destrancadas.

Além do dinheiro, as chaves e até os documentos do veículo estavam dentro de um envelope plástico dentro do veículo, indicando que tudo estava organizado para ser recolhido por alguém que chegasse ao aeroporto. A Polícia Militar foi avisada por um telefonema anônimo. A primeira suspeita era de que o dinheiro fosse fruto de arrombamento de caixas bancários, o que foi praticamente descartado após a conferência das notas, separadas em maços, alguns com os lacres de papel da Caixa Econômica Federal.

As provas foram encaminhadas para a Superintendência da PF em Goiás e a delegada de plantão, Marcela Rodrigues Siqueira, solicitou as imagens do circuito interno do estacionamento do aeroporto. Ela conferiu as notas, que são US$ 507 e R$ 95 mil, estimando em R$ 1.364 mil o valor total após a conversão dos dólares. Algumas notas estão marcadas, segundo apurou a PF.

O dinheiro foi periciado e será depositado em uma conta sob responsabilidade da Justiça Federal. A picape também será periciada. Ainda não se sabe se a mulher que possui o veículo em seu nome está envolvida, se o carro é de alguma locadora, ou mesmo se foi ela quem levou o carro até o estacionamento.

Entre as hipóteses para o mistério estão a de que o dinheiro esteja ligado à tentativa de evasão de divisas, lavagem de dinheiro ou tráfico de drogas.

  • Tags:

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo