Sete são presos por tráfico de armas e drogas no Rio

Segundo a PF, tráfico era realizado no Rio, Itaboraí e São Gonçalo

Solange Spigliatti, estadão.com.br

26 Julho 2011 | 12h11

SÃO PAULO - Sete pessoas foram presas nesta terça-feira, 26, em Niterói, no Rio de Janeiro, durante a Operação Cartucheira, da Polícia Federal, deflagrada com o objetivo de cumprir 13 mandados de prisão contra o tráfico de armas e drogas na região. Segundo a Polícia Federal, o tráfico ilícito de armas e entorpecentes era realizado nos municípios do Rio de Janeiro, Itaboraí e São Gonçalo.

 

A investigação da Delegacia de Repressão ao Tráfico Ilícito de Armas - DELEARM em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público Estadual, teve início a partir de notícia sobre crimes cometidos na região de Itaboraí e já havia culminado na prisão temporária de cinco pessoas, dentre elas um Cabo do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

 

A partir dos depoimentos e das provas colhidas, foram deflagradas as prisões preventivas dos detidos e de outros oito envolvidos. Uma pessoa continua foragida, segundo a PF.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.