Suspeito de matar mulher a tiros se entrega à polícia em Minas

Crime aconteceu na noite de domingo; marido alega que era traído

João Paulo Carvalho , estadão.com.br

18 Julho 2011 | 12h14

SÃO PAULO - Um homem suspeito de ter assassinado a esposa a tiros no domingo se entregou à polícia na manhã desta segunda-feira, 18. De acordo com informações da Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 22h, na Via Expressa, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

 

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Militar, Ilésio Rodrigues de Freitas, de 32 anos, sacou um revólver, após uma discussão, e atirou sete vezes contra a mulher, Dulcilene Gomes da Silva, também de 32 anos. Ela morreu no local.

 

Ainda segundo a polícia, o homem afirmou que era traído pela esposa há mais de um ano. De acordo com Ilésio, ela teria saído para se encontrar com o amante na tarde de domingo e levado o bebê do casal. O homem está preso na 3ª Delegacia de Polícia de Contagem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.