Suspeitos de atentados contra PMs são mortos

Agentes da Força Especial de Investigação e Reação - criada pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia para investigar assassinatos de policiais - mataram ontem quatro suspeitos de participar de atentados contra PMs. De acordo com a polícia, os suspeitos foram abordados em um táxi, em Salvador, e deram início a um tiroteio. Um dos mortos não foi identificado - dois respondiam a processo por homicídios, tráfico e formação de quadrilha. Foi encontrada com eles pistola que pertencia a um PM assassinado.

O Estadao de S.Paulo

25 Outubro 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.