Vigilância Sanitária apreende mais de 350 kg de comida em Salvador

São Paulo, 6 - As equipes da Vigilância Sanitária de Salvador já apreenderam diversos alimentos impróprios para consumo em inspeções realizadas nos três circuitos do carnaval da cidade. Foram descartados 350 kg de diversos alimentos como laticínios e calabresa, além de 211 unidades de quibe cru, 2.500 unidades de hambúrguer e 152 bolinhos de queijo com validade expirada há mais de um ano.

Central de Informações,

06 Março 2011 | 18h23

 

O objetivo da ação da Vigilância Sanitária é reduzir a probabilidade de surtos de infecções de origem alimentar por consumo de produtos clandestinos, mal conservados ou com data de validade vencida.

 

Segundo dados divulgados pela prefeitura de Salvador, foram realizadas 3.345 inspeções sanitárias dos serviços disponíveis ao público, incluindo estabelecimentos de alimentos de bebidas, serviços oferecidos nos camarotes, trios elétricos, salões de beleza e postos médicos. Neste sábado, 5, também foram realizados descartes de cerca de 290 mil litros de dejetos provenientes dos trios elétricos e carros de apoio das entidades carnavalescas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.