Celso Junior/AE
Celso Junior/AE

Weslian diz que vai trabalhar para tucano

Candidata ao governo do DF pelo PSC, Weslian Roriz participou do encontro de aliados do presidenciável José Serra, em Brasília. A candidata - que substituiu o marido, Joaquim Roriz, barrado pela Ficha Limpa - disse que fará campanha para o tucano. Minimizou, porém, a importância de Serra em seu palanque. "Se ele tiver tempo, pode vir. Se não tiver tempo, não vou me preocupar. Os votos dele vão todos para mim", disse Weslian.

Rafael Moraes Moura e Carol Pires, O Estado de S.Paulo

07 Outubro 2010 | 00h00

No encontro de aliados, a mulher de Roriz ficou sentada na segunda fila. Durante discurso, o presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), citou a presença de Weslian, que se levantou e foi aplaudida. Questionado pelo Estado se Serra faria campanha com Weslian, Guerra respondeu: "Isso é pegadinha." No DF, Serra obteve 24,3% dos votos, ficando atrás de Marina Silva (41,9%) e Dilma Rousseff (31,7%).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.