Informações Rj (@InformacoesRj13)/Twitter
Informações Rj (@InformacoesRj13)/Twitter

4 ônibus são incendiados após PM balear 3 suspeitos na zona norte

Veículos foram atacados na Pavuna, região vizinha ao Chapadão, alvo de operação policial; feridos estão internados sob custódia

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

02 Fevereiro 2018 | 22h40

RIO - Quatro ônibus foram incendiados no início da noite desta sexta-feira, 2, na região da Pavuna, na zona norte do Rio de Janeiro, depois que três suspeitos foram baleados pela Polícia Militar durante operação no Complexo de Favelas do Chapadão, área vizinha à Pavuna. Os três sobreviveram e estão internados sob custódia. Até as 21h30, não havia registro de outros feridos.

+++ Sistema de segurança no Brasil 'está falido', diz ministro da Defesa

Segundo a PM, policiais do 41º Batalhão (Irajá) realizaram uma operação no Chapadão e houve confronto com suspeitos na região conhecida como Pirâmide. Três homens foram baleados, detidos e levados ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, na zona oeste, onde permaneciam sob escolta na noite desta sexta. Nenhum policial se feriu. Segundo a PM, com os suspeitos foram apreendidas três pistolas. 

+++ Cidade de Deus lidera ranking de tiroteios no Rio de Janeiro: 41

+++ Policial civil é morto dentro de supermercado na zona norte do Rio

Depois do confronto, pessoas ligadas ao tráfico interceptaram e incendiaram quatro ônibus municipais. Os três primeiros circulavam pela Estrada Rio do Pau e faziam as linhas 147I (Nova Iguaçu-Pavuna), 138I (Nilópolis-Dique de Caxias) e 779 (Pavuna-Madureira). O quarto ônibus percorria a linha 669 (Pavuna-Méier) e foi atacado quando trafegava pela Estrada do Camboatá.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, e a Polícia Militar também foi ao local, usando inclusive veículos blindados (os chamados caveirões). Às 21h30, não havia confrontos na região, segundo a PM.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.