Marcos Arcoverde/Estadão
Marcos Arcoverde/Estadão

Entidades protestam contra violência policial e pedem reparação econômica

Famílias de vítimas fizeram manifestação nesta sexta e reivindicaram criação de fundo para apoio financeiro e social de parentes

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

19 Maio 2017 | 17h18

RIO - Entidades que reúnem famílias de pessoas mortas em confronto com policiais fizeram um protesto nesta sexta-feira, 19, no centro do Rio de Janeiro. O ato integrou o II Encontro da Rede Nacional de Mães e Familiares de Vítimas do Terrorismo do Estado e foi uma homenagem a três vítimas da violência policial no Rio e a outras em São Paulo. 

Um grupo de aproximadamente 200 manifestantes se concentrou nas imediações da Igreja da Candelária e, a partir das 16h, seguiu em caminhada pela avenida Rio Branco até a Assembleia Legislativa. O grupo reivindicou a criação, pelo Estado, de um fundo de reparação econômica e social para familiares de mortos, a aprovação de um projeto de lei que determina o afastamento imediato de policiais que já respondem a processos na Justiça e a autonomia das perícias, entre outros itens.

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.