Estado de turista argentina baleada no Rio continua grave

Natália Lorena Cappeti seguia para o Cristo Redentor quando entrou por engano no Morro dos Prazeres

O Estado de S. Paulo

01 Março 2017 | 20h24

O estado de saúde da turista argentina Natalia Lorena Cappeti, de 42 anos, continua grave, porém, estável, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde do Rio. A turista foi baleada ao entrar, por engano, no Morro dos Prazeres, em Santa Teresa, na zona central da cidade, na última segunda-feira, 27. 

Natalia estava acompanhada de outros três turistas em um carro a caminho do Cristo Redentor, um dos pontos turísticos mais visitados da cidade. Após entrar por engano na favela, o veículo foi alvejado por traficantes. A turista foi operada no mesmo dia e segue internada no Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro. Policiais militares fizeram buscas, mas não prenderam os autores dos tiros.

Em dezembro, em episódio semelhante, outro turista italiano, Roberto Bardella, de 52 anos, foi baleado por bandidos no mesmo local em uma motocicleta e morreu. Ele dirigia uma moto quando entrou no Morro dos Prazeres por engano e foi confundido com um policial. 

 

Mais conteúdo sobre:
Santa Teresa Natalia Cristo Redentor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.