Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Jovem acusado de empurrar ex-namorada grávida contra ônibus em movimento é preso no Rio

Lucas Florençano de Castro Monteiro foi preso temporariamente sob a acusação de tentativa de feminicídio

Daniela Amorim, O Estado de S. Paulo

29 Julho 2017 | 10h44

Rio – Policiais civis prenderam na manhã desta sexta-feira, 28, um jovem acusado de ter empurrado propositalmente a ex-namorada contra um ônibus em movimento. O crime ocorreu dois dias antes, em Botafogo, na zona sul do Rio. Lucas Florençano de Castro Monteiro, de 25 anos, teve a prisão temporária decretada pelo crime de tentativa de feminicídio.

Segundo a Polícia Civil, a ex-namorada de Lucas prestou queixa contra o rapaz na quinta-feira (27), na Delegacia de Atendimento à Mulher, no centro da cidade. A vítima apresentava escoriações, curativos e uma imobilização na perna.

A ex-namorada contou aos policiais que estava grávida de quatro meses, mas que Lucas negava-se a aceitar a paternidade, o que teria motivado a tentativa de homicídio contra ela e o bebê. De acordo com o relato da vítima, que não teve o nome revelado, ela se salvou do atropelamento por sorte.

Após colherem depoimentos e investigarem a cena do crime, policiais conseguiram obter imagens de câmeras de segurança de um edifício que flagraram Lucas empurrando a vítima para o meio da avenida, no momento exato em que passava o ônibus.

Lucas foi detido pelos agentes em um imóvel no mesmo bairro onde ocorreu o crime. A reportagem não conseguiu localizar o advogado de Lucas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.