Google Street View/Reprodução
Google Street View/Reprodução

Polícia prende suspeito de obrigar fechamento de comércio na Lapa

Ordem dos traficantes teria sido motivada pela morte de um homem após operação do Bope em morro próximo ao bairro boêmio

Daniela Amorim, O Estado de S.Paulo

20 Janeiro 2017 | 13h32

RIO - Um homem foi preso na quarta-feira, 18, suspeito de ordenar o fechamento de estabelecimentos nas principais vias da Lapa, bairro boêmio da região central do Rio de Janeiro. Comerciantes mantiveram lojas e restaurantes fechados por dois dias consecutivos, sob pressão de traficantes que atuam em uma comunidade próxima.

A ordem dos traficantes teria sido motivada pela morte de um homem em consequência de uma operação do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), realizada na terça-feira, 17, na Comunidade do Fallet, entre Santa Teresa e Catumbi, bairros vizinhos à Lapa. Houve confronto entre policiais e bandidos.

Segundo informações da polícia, um suspeito de tráfico, que estava armado com uma pistola, foi ferido e levado ao Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro.

O homem não teria resistido aos ferimentos. E, ainda na terça, traficantes teriam ordenado a comerciantes do entorno que não abrissem seus estabelecimentos, sob pena de retaliação.

A polícia não divulgou a identidade do suspeito preso por coagir comerciantes. Ele foi levado para a 5ª Delegacia de Polícia (Centro).

Mais conteúdo sobre:
Rio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.