Wilton Júnior/Estadão
Wilton Júnior/Estadão

Pré-carnaval do Rio tem 8 detidos e 5 menores apreendidos

Em um dos casos, foragido do sistema prisional usou caco de 40 cm para roubar foliã que participava do Bloco da Preta, no centro

Marcio Dolzan, O Estado de S.Paulo

04 Fevereiro 2018 | 19h33

RIO - Oito pessoas foram detidas e cinco menores apreendidos pela Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) por roubos e furtos nos blocos de pré-carnaval neste fim de semana. Em um dos casos, o criminoso roubou o celular de uma mulher que participava do Bloco da Preta, comandado pela cantora Preta Gil, na Avenida Presidente Vargas, no centro, utilizando um caco de 40 centímetros.

+++ Multidão de foliões acompanha blocos do pré-carnaval pelas ruas do Rio

Segundo a GM-Rio, Wanderlei Ferreira de Oliveira, 21 anos, foi preso por agentes da corporação na Cidade Nova pouco depois de ameaçar a vítima com o pedaço de vidro. O acusado foi levado para a Cidade Polícia, onde foi constatado que era foragido do sistema prisional e tem passagens por roubo, furto e tráfico de drogas. No mesmo bloco, outros quatro homens foram presos por furto. Seis celulares foram recuperados. 

+++ Monobloco faz ‘carnaval karaokê’ no parque do Ibirapuera

No sábado, uma equipe do Grupamento de Operações Especiais (GOE) apreendeu dois adolescentes e um adulto que furtaram um cordão de ouro no bloco Simpatia é Quase Amor, em Ipanema, na zona sul.

+++ ‘Se não for para ir montado, não vá’, dizem foliões dos blocos paulistanos

Um dia antes, o Grupamento Especial de Praia (GEP) prendeu dois vendedores ambulantes por furtarem a mochila de um casal de turistas coreanos e o celular de outra vítima na Praia de Copacabana, na zona sul.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.