Psicóloga é vítima de bala perdida na zona norte do Rio

Maria Luiza Panza Bruno foi atingida na barriga em um bar no Grajaú e está internada; denúncia de arrastão fechou túnel

Fábio Grellet - O Estado de S.Paulo

RIO - A psicóloga Maria Luiza Panza Bruno, de 37 anos, foi atingida na barriga por uma bala perdida quando estava com o namorado em um bar no Grajaú, na zona norte do Rio de Janeiro, na noite desta quinta-feira, 8. Ela sobreviveu e está internada em estado estável.

+++ Para frear violência, Pezão pagará horas extras a policiais

A psicóloga Maria Luiza Panza Bruno, de 37 anos Foto: Maria Luiza Panza Bruno/LinkedIn

Por volta das 21 horas, criminosos em um carro tentavam roubar outro veículo na Rua Canavieiras quando policiais militares do 6º Batalhão (Tijuca) passaram pelo local fazendo ronda. Houve troca de tiros, e Maria Luiza, que estava em um bar na mesma rua, foi atingida.

+++ Número de roubos de celular aumenta durante carnaval

Ela foi levada pela PM ao Hospital Federal do Andaraí, na zona norte, onde recebeu os primeiros socorros. Segundo a unidade de saúde, por poucos centímetros a bala não atingiu a medula, o que poderia deixar a vítima paraplégica. Durante a madrugada, a psicóloga foi transferida para o Hospital Norte D'Or, em Cascadura, também na zona norte.

+++ Pezão promete mais 2 mil policiais por dia nas ruas do Rio

Das 50 cidades mais violentas do mundo, 25 estão no Brasil; veja ranking

1 | 51 O Brasil e a América Latina continuam sendo a região mais violenta do mundo ao se levar em conta países que não estão em guerra. De acordo com um levantamento atualizado do Instituto Igarapé divulgado pela revista 'The Economist', 43 das 50 cidades com maiores taxas de homicídios são latino-americanas. Segundo a publicação britânica, os conflitos entre quadrilhas, a corrupção e as instituições públicas frágeis são os fatores que contribuem para os altos índices de violência na América Latina em 2016. Metade das cidades da lista fica no Brasil, incluindo nove capitais de Estado. Confira a seguir quais são as 50 cidades mais violentas do mundo. Foto: Reuters
2 | 51 A cidade de Jaboatão dos Guararapes, na região metropolitana do Recife, é considerada a 50ª cidade mais violenta do mundo, com taxa de 42,4 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: Chico Bezerra/Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes
3 | 51 Na Jamaica está a 49ª cidade mais violenta do mundo: Kingston, que apresenta índice de 43,2 homicídios por 100 mil habitantes. Foto: Xinhua/Reuters
4 | 51 San Juan, no Estado Livre Associado de Porto Rico, aparece na 48ª posição na lista do Instituto Igarapé, com índice de 43,4. Foto: José Jimenez/Getty Images
5 | 51 A capital da Paraíba ocupa o 47º posto entre os municípios mais violentos do mundo. A taxa de assassinatos a cada 100 mil habitantes em João Pessoa é de 43,7. Foto: Polícia Militar
6 | 51 Outra capital brasileira na lista é Cuiabá. A cidade mato-grossense aparece na 46ª colocação do ranking do Instituto Igarapé, com índice de 43,8. Foto: Governo de Meto Grosso
7 | 51 A 45ª cidade mais violenta do mundo é New Orleans, nos Estados Unidos. Localizado no Estado da Louisiana, tem taxa de 44,5 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: Rick Willking/Reuters
8 | 51 Outra cidade americana na lista das mais violentas do mundo é Detroit, na 44ª colocação, com índice de 44,9. Foto: REUTERS/Rebecca Cook
9 | 51 Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre, é apontada pelo ranking divulgado na 'The Economist' como a 43ª cidade mais violenta do mundo, com taxa de 45,4. Foto: Polícia Civil
10 | 51 Já Porto Alegre, é a 42ª cidade mais violenta do mundo. A capital do Rio Grande do Sul tem índice de 46 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: Polícia Civil
11 | 51 Três cidades latino-americanas aparecem empatadas no levantamento do Instituto Igarapé na 39ª posição entre as mais violentas do mundo, com taxa de 46,3. Uma delas é Mazatlán (foto), no México. Foto: REUTERS/Stringer
12 | 51 Outra cidade mexicana com índice de 46,3 é Culiacán. Foto: Fidel Duran/Reuters
13 | 51 Na 39ª colocação entre as cidades mais violentas do mundo também está Palmira, na Colômbia. Foto: Jaime Saldarriaga/Reuters
14 | 51 Na África do Sul, a conurbação formada entre as cidades de East London (foto), Bhisho e King William's Town, chamada de Buffalo City, aparece no 38º posto do ranking do Instituto Igarapé, com índice de 46,5. Foto: Reuters
15 | 51 A 37ª cidade mais violenta do mundo é Juazeiro do Norte. O município cearense tem taxa de 47,4 homicídios por 100 mil habitantes. Foto: Samuel Macedo/Prefeitura de Juazeiro do Norte
16 | 51 Outro município nordestino no ranking é Vitória da Conquista, na Bahia, com índice de 49,5, na 36ª colocação. Foto: ROBSON FERNANDJES/AE
17 | 51 A 35ª cidade mais violenta do mundo é Tijuana, no México, que apresenta taxa de 49,8 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: Sandy Huffaker/The New York Times
18 | 51 Segundo a lista publicada pela 'The Economist', a 34ª cidade mais violenta do mundo é Villa Nueva, na Guatemala, com taxa de 50,7. Foto: Jorge Dan Lopez/Reuters
19 | 51 Com 50,9, Natal é considerada a 33ª cidade mais violenta do mundo.  Foto: REUTERS/Leo Carioca
20 | 51 Na região metropolitana de Vitória está a 32ª cidade mais violenta do mundo: Cariacica, com taxa de 51,1 homicídios a cada 100 mil habitantes. Foto: Alcione Coutinho/Prefeitura de Cariacica
21 | 51 Outro município brasileiro localizado em regiões metropolitanas que aparece na lista dos mais violentos do mundo é Betim. Com taxa de 51,5, a cidade da Grande Belo Horizonte está na 31ª colocação. Foto: Washington Alves / Estadão
22 | 51 A capital alagoana é considerada a 30ª cidade mais violenta do mundo. A taxa de mortes por 100 mil habitantes em Maceió é de 51,8. Foto: Ricardo Freire/AE
23 | 51 A cidade de Baltimore, no Estado americano de Maryland, é a 29ª mais violenta do mundo, com índice de 52,1. Foto: Salt Serkan Gurbuz/Reuters
24 | 51 Na Bahia está localizada a 28ª cidade mais violenta do mundo: Camaçari, com taxa de 53 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: Mateus Pereira/GOVBA
25 | 51 Com índice de 53,1, Nelson Mandela Bay, na África do Sul, é considerada a 27ª cidade mais violenta do mundo. Foto: REUTERS/Denis Balibouse
26 | 51 A cidade de Cali, na Colômbia, é a 26ª mais violenta do mundo, com taxa de 53,2 homicídios a cada 100 mil habitantes. Foto: EFE/ Christian Escobar Mora
27 | 51 Capital do Amazonas, Manaus é a 25ª cidade mais violenta do mundo, com índice de 54,3. Foto: Tiago Queiroz/Estadão
28 | 51 Outra cidade brasileira no ranking é Imperatriz. O município maranhense tem índice de 54,5, o que o coloca na 24ª posição. Foto: Sidney Rodrigues/Prefeitura de Imperatriz
29 | 51 A cidade de Santa Ana, em El Salvador, é a 23ª colocação entre as mais violentas do mundo, com 55,4. Foto: REUTERS/Alex Pena
30 | 51 No 22º posto está Aracaju. A capital do Sergipe tem taxa de 58,5 homicídios a cada 100 mil habitantes. Foto: Claudio Marques/Estadão
31 | 51 Duas cidades brasileiras aparecem na 20ª posição do ranking do Instituto Igarapé de mais violentas do mundo, com índice de 58,8. Uma delas é Caucaia (foto), no Ceará. Foto: Reprodução/Google Street View
32 | 51 A outra cidade na 20ª posição, com 58,8, é Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital goiana. Foto: ED FERREIRA/AE
33 | 51 Duas cidades apresentam taxa de 59,3 homicídios a cada 100 mil habitantes e estão na 18ª colocação do ranking de assassinatos elaborado pelo Instituto Igarapé. Uma delas é Saint Louis (foto), no Estado americano do Missouri. Foto: REUTERS/Aaron P Bernstein
34 | 51 Também no 18º posto está Mossoró, no Rio Grande do Norte. Foto: Adriana Moreira/Estadão
35 | 51 A cidade de Victoria, no México, é a 17ª mais violenta do mundo, com índice de 60,5. Foto: REUTERS/Henry Romero
36 | 51 Com taxa de 60,9 homicídios por 100 mil habitantes, Belém, capital do Pará, é a 16ª cidade mais violenta do mundo. Foto: Adriana Moreira/Estadão
37 | 51 Na 15ª posição entre as mais violentas do mundo está a Cidade do Cabo, na África do Sul, com taxa de 61,5. Foto: REUTERS/Mike Hutchings
38 | 51 A 14ª cidade mais violenta do mundo, com índice de 61,9, é Viamão, na Grande Porto Alegre. Foto: DHPP/Polícia Civil
39 | 51 Segundo a lista divulgada pela 'The Economist', Caruaru, em Pernambuco, é a 13ª cidade mais violenta do mundo, com 64 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: SECOM PE
40 | 51 A 12ª cidade mais violenta do mundo é Serra, na Grande Vitória, com taxa de 64,7. Foto: WILTON JUNIOR/AGENCIA ESTADO/AE
41 | 51 Em Honduras está a 11ª cidade mais violenta do mundo: Choloma Foto: REUTERS
42 | 51 Segundo o Instituto Igarapé, a décima cidade mais violenta do mundo é Ananindeua, na região metropolitana de Belém, com índice de 69,6. Foto: REUTERS/Paulo Santos
43 | 51 Com taxa de 70,8 homicídios a cada 100 mil habitantes, a Cidade da Guatemala é a nona mais violenta do ranking. Foto: Jorge Dan Lopez/Reuters
44 | 51 A capital do Maranhão, São Luís, é a oitava cidade mais violenta do mundo, com índice de 74,5. Foto: MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO
45 | 51 Segundo a revista 'The Economist', na sétima colocação está Marabá, no Pará. Com 76,7 assassinatos a cada 100 mil habitantes, o município é o mais violento do País. Foto: Dida Sampaio/Estadão
46 | 51 Na sexta posição entre as cidades mais violentas do mundo está Distrito Central, em Honduras, com índice de 79,9. Foto: Orlando Sierra/AFP
47 | 51 A cidade de Chilpancingo de los Bravo ocupa a quinta colocação do ranking elaborado pelo Instituto Igarapé. A taxa de homicídios por 100 mil habitantes é de 88,1. Foto: Jorge Dan Lopez/Reuters
48 | 51 A quarta cidade mais violenta do mundo é Soyapango, com índice de 91,1 assassinatos a cada 100 mil habitantes. Foto: REUTERS/Jose Cabezas
49 | 51 Segundo o ranking, San Pedro Sula é a terceira cidade mais violenta do mundo. Com índice de 104,3, é a primeira colocada em Honduras. Foto: Jorge Cabrera/Reuters
50 | 51 A estância turística de Acapulco de Juarez é, de acordo com o Instituto Igarapé, a segunda cidade mais violenta do mundo e a primeira do México, com taxa de 108,1 homicídios a cada 100 mil habitantes. Foto: Enric Marti/AP
51 | 51 De acordo com o levantamento do Instituto Igarapé divulgado pela revista 'The Economist', a cidade mais violenta do mundo é a capital de El Salvador: San Salvador, onde a taxa de homicídios a cada 100 mil habitantes é de 136,7. Foto: AP

Arrastão

Uma denúncia de arrastão feita à Polícia Militar provocou a interdição do Túnel Santa Bárbara, que liga Laranjeiras, na zona sul do Rio, ao Catumbi, no centro, na tarde desta sexta-feira, 9. Mas a polícia não encontrou suspeitos e, até as 16h30, nenhuma vítima havia comparecido à delegacia da área.

A via, situada a poucos metros do sambódromo, foi interditada a partir das 13h40, logo depois que a PM recebeu a denúncia. Pelas redes sociais também houve relatos de assaltos, registrados por pessoas que passavam pelo local e ouviram relatos de outras pessoas, sem terem testemunhado o crime.

"Meu irmão estava passando pelo Santa Bárbara agora para viajar com a esposa e o filho de 6 anos e teve que deixar o carro dentro do túnel por causa do arrastão", escreveu uma internauta no Facebook. "O Rio acabou!"

Os policiais militares que foram ao local não encontrou suspeitos nem vítimas, e o túnel foi reaberto às 14h05.

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato