Suspeita de arrastão assusta banhistas no Arpoador

Ação não foi confirmada pela polícia; Pelo menos seis pessoas foram detidas

Luciana Nunes Leal, O Estado de S. Paulo

27 Dezembro 2015 | 19h45

Um princípio de confusão assustou banhistas na praia do Arpoador, na zona sul, na manhã deste domingo, 27. Com cassetetes, policiais correram atrás de um grupo de jovens na areia, o que levou algumas pessoas a pensarem que se tratava de um arrastão, o que não foi confirmado pela polícia. 

O capitão da PM Gaspar Ribeiro, responsável pelo policiamento na orla, disse que foram registrados diversos furtos e tentativas de furto na areia lotada. Pelo menos seis pessoas foram detidas e levadas para a 14ª DP (Leblon).  Ao todo, 150 policiais militares e 100 guardas municipais fizeram o policiamento nas praias da orla. Os agentes recuperaram objetos furtados, como cordões, bicicletas, relógios e celulares.

A temperatura ontem atingiu 40 graus em Guaratiba. A sensação térmica foi de 44,4 graus, na Barra da Tijuca, zona oeste.  O Centro de Operações Rio informou que o município entrou em estado de alerta para fortes chuvas, às 16h55. Houve chuvas fortes em bairros como Bangu e Anchieta, na zona oeste. Houve registro ainda de rajadas moderadas de  vento no Aeroporto Santos Dumont (50km/h) e na Marambaia (45 km/h). As informações são do Alerta Rio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.