1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Táxi com filho de Bolsonaro é atingido por tiro em arrastão

- Atualizado: 29 Janeiro 2016 | 23h 18

Crime foi cometido dentro do Túnel Rebouças, no Rio; carro em que vereador Carlos Bolsonaro estava foi baleado após taxista acelerar

RIO - Um arrastão seguido de disparos assustou motoristas e passageiros na noite desta sexta-feira, 29, no Rio. O crime foi cometido dentro do Túnel Rebouças, que liga a Lagoa, na zona sul, ao Rio Comprido, na zona norte. Uma das balas atingiu o táxi onde estava o vereador Carlos Bolsonaro, filho do deputado federal Jair Bolsonaro, ambos do PP-RJ. Não há confirmação de feridos.

Em entrevista ao Estado, Carlos Bolsonaro relatou que o assalto ocorreu na frente do táxi em que estava, no sentido zona sul. De acordo com o vereador, dois assaltantes em uma moto tentaram forçar um outro motociclista a parar. A vítima só obedeceu quando uma segunda moto com bandidos impediu a passagem.

"Tudo aconteceu na frente do táxi onde eu estava. Um dos bandidos desceu da moto e tentou fazer um arrastão. Nesse momento, o taxista acelerou e o marginal atirou contra o carro", disse Carlos Bolsonaro. Após deixar o túnel, o vereador comunicou à Polícia Militar, que foi ao local do assalto. Pelo menos um dos tiros atingiu o táxi.

Os disparos deixaram os motoristas desesperados. Muitos desceram dos carros para se esconder. O trânsito no local ficou lento por mais de 30 minutos. De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura, as pistas não foram bloqueadas.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em BrasilX