A morte de Olavo Bilac, o príncipe dos poetas

A morte de Olavo Bilac, o príncipe dos poetas

rosesaconi

28 de dezembro de 2011 | 09h15

Estadinho, 28 de dezembro de 1918

Olavo Bilac morreu na madrugada do dia 28 de dezembro de 1918. A notícia foi publicada no mesmo dia no Estadinho, edição da noite do Estadão que circulou de 1915 a 1921.

Estadão, 29 de dezembro de 1918

Formado em Direito, Olavo Bilac foi poeta, revisor, noticiarista, redator e cronista. Começou a escrever para o Estadão, então A Província de São Paulo, em 1897, na coluna Diário do Rio.

Foto: Arquivo/AE

 Autor do Hino à Bandeira e defensor do ensino primário, fundou a Liga da Defesa Nacional que, dentre outras coisas, defendia o serviço militar obrigatório como forma de combate ao analfabetismo.

Pesquisa e Texto: Rose Saconi
Tratamento de Imagens:
José Brito

Siga o Arquivo Estadão: Twitter@arquivo_estadao e Facebook/arquivoestadao