Há cem anos, bombeiros substituiam carroças por carros motorizados

Há cem anos, bombeiros substituiam carroças por carros motorizados

Lizbeth Batista

10 de maio de 2011 | 09h27

Quarta-feira, 10 de maio de 1911

Sob o comando de Washington Luís, a Secretaria da Justiça da Segurança Pública de São Paulo introduzia várias inovações técnicas nas Forças de Segurança Pública do  Estado. A edição de  10 de maio de 1911 do Estadão mostrava quais eram as melhorias reservadas ao Corpo de Bombeiros.

Os obsoletos carros de tração animal foram substituídos por automóveis, como os modelos ilustrados nestas fotografias.

Outro carro automóvel, com escada e mangueira para o serviço do Corpo de Bombeiros de S.Paulo.


O automóvel escada e mangueiras dos bombeiros de S.Paulo, em experiência pelos bombeiros de Londres.

Os veículos foram todos importados da Inglaterra: um “Double”, um “Phaeton Merryweather”, um auto-bomba “Hatifield” e um auto-transporte com tambor para mangueira e com suporte para escada prolongável “Merryweather”.

Pesquisa e Texto: Lizbeth Batista
Siga o Arquivo Estadão: twitter@estadaoarquivo e facebook/arquivoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: