José Carlos Pace. A morte chegou antes do título

José Carlos Pace. A morte chegou antes do título

rosesaconi

18 Março 2012 | 00h01

Em 1975, Interlagos viveu um dos maiores momentos na história da Fórmula 1. A primeira dobradinha do Brasil na categoria, com vitória de José Carlos Pace, seguido pelo então bicampeão Émerson Fittipaldi.

Moco, como era conhecido, subiu no pódio carregando a bandeira brasileira. O público invadiu a pista e os dois pilotos brasileiros foram agarrados e carregados no meio de muita euforia. Foi a única vitória de Pace na F-1 nos 72 GPs que disputou.

27/1/1975

18 de março de 1977 – Naquele que poderia ser o seu ano de ouro, o título de campeão não veio. A morte chegou primeiro. Pace estava com  um carro competitivo, a Brabham, e era um dos pilotos mais cotados a ganhar o campeonato mundial de 77. Moco morreu quando o avião de pequeno porte em que viajava caiu na região de Mairiporã.

Uma justa homenagem ao piloto veio oito anos de pois de sua morte, em 1985, quando o autódromo de Interlagos, em São Paulo, foi rebatizado com seu nome.

Leia mais sobre Fórmula 1  no blog do Arquivo

Pesquisa e Texto: Rose Saconi
Siga o Arquivo Estadão: twitter@estadaoarquivo e facebook/arquivoestadao