Vitória de Doria quebra tradição de segundo turno