Em dias de chuva, moradores de Socorro não conseguem sair de casa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em dias de chuva, moradores de Socorro não conseguem sair de casa

Sem pavimentação, via que dá acesso para pista principal fica intransitável

Renata Okumura

31 de maio de 2019 | 13h51

SÃO PAULO – Moradores de área rural de Socorro, no interior de São Paulo, cobram a pavimentação ou cascalhamento da estrada municipal do bairro Oratório.

“Em dias de chuva, é impossível sair de casa. A rua que dá acesso a via principal fica escorregadia e os carros patinam. A pé, há risco de ficarmos atolados também. Esse é o trajeto que faço para levar minhas filhas até o local onde sai o transporte escolar. Rede de esgoto a céu aberto”, disse a moradora Bárbara Mahara.

Em razão dos buracos, muitos moradores que precisam fazer esse trajeto, já tiveram até veículos danificados.

Além disso, os moradores reforçam que há bastante entulho e mato alto na via, o que dificulta o trajeto mesmo em dias ensolarados.

“Em alguns trechos, a estrada esburacada também vai diminuindo. Há muito entulho e matagal. Já solicitei à prefeitura o serviço de caçamba para a retirada do lixo. Onde deveria ser o córrego, há muito lixo e pedregulho”, afirmou a moradora.

Foto: Reprodução do vídeo da moradora Bárbara Mahara

Posicionamento

Em nota, a prefeitura informa que o município de Socorro possui mais de mil quilômetros de estradas vicinais, que são atendidas com regularidade pela Prefeitura.

“Em período de chuvas, é comum que estas estradas de terra fiquem mais danificadas, entretanto, a prefeitura age rapidamente na manutenção das mesmas, para manter a mobilidade da população da zona rural e áreas de expansão urbana”, garantiu a prefeitura.

Ainda segundo a prefeitura, na localidade solicitada, o atendimento vai ocorrer tão logo as equipes e máquinas necessárias sejam deslocadas ao bairro do Oratório.

Quer compartilhar alguma reclamação em seu bairro? Mande seu relato por WhatsApp (11) 9-7069-8639 ou para o email blitzestadao@estadao.com.

Tudo o que sabemos sobre:

queixaSocorroPavimentoChuva

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.