Moradores criticam suspensão de coleta seletiva na zona norte
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Moradores criticam suspensão de coleta seletiva na zona norte

Prefeitura Regional Pirituba/ Jaraguá reforça que o munícipe pode agendar a retirada do lixo pelo 0800-770-111

Renata Okumura

12 Março 2018 | 11h47

SÃO PAULO – Há dois anos, moradores do Jardim Mangalot, na zona norte da cidade, adaptaram-se a rotina de separar o lixo orgânico do material reciclável. No início, nem todos participavam. No entanto, com o passar do tempo, a maioria começou a observar que a tarefa era simples e em prol do meio ambiente. Dois anos depois, o morador Mário Luiz se queixa da retirada do serviço ao bairro.

“A atual gestão acabou com a coleta seletiva de lixo implantada há anos na Rua General Lauro Cavalcanti de Farias sem avisar ninguém. Depois de duas semanas, sem observar o caminhão passar, fui informado pela cooperativa responsável que o serviço foi desativado”, reclamou Luiz.

Rua General Lauro Cavalcanti de Farias Foto: Renata Okumura

Na zona leste, moradores da Vila Síria estão habituados a ouvir a chegada do caminhão de coleta seletiva. Toda segunda-feira, por volta das 9 horas, a música anuncia: “Olha a coleta aí. Está passando em seu bairro”. O caminhão passa por ruas das proximidades da Avenida Águia de Haia.

Por duas semanas, porém, os munícipes também observaram a ausência do serviço. “Deixei o lixo reciclado por duas segundas-feiras, mas o caminhão não passou. Na terceira semana, resolvi deixar novamente, e aí sim, ele passou. É importante. Aos poucos, os moradores vão se conscientizando”, disse Camila Ferreira.

Sobre o bairro Jardim Mangalot, a Prefeitura Regional Pirituba/Jaraguá informa que a coleta de recicláveis está sendo feita pela empresa Loga. “Basta ligar para o 0800-770-1111 e informar o CEP, para agendar a coleta”, destacou a nota.

Relembre: SP tem quase 4 mil pontos de descarte irregular de lixo

Acabar com o descarte irregular de lixo em ruas, avenidas e terrenos baldios é um dos principais desafios da capital paulista. A mesma situação é observada em todas as regiões do município. Embaixo da Ponte do Jaguaré, na zona oeste, é comum encontrar lixo e restos de móveis. Na zona leste, moradores enfrentam o mesmo problema.

Descarte irregular de lixo na Avenida Águia de Haia Foto: Renata Okumura

Os Ecopontos funcionam de segunda a sábado, das 6h às 22h, e aos domingos e feriados, das 6h às 18h. Para mais informações sobre coleta seletiva ligue para o telefone 0800-7777-156 ou acessar o site.

Quer compartilhar alguma reclamação em seu bairro? Mande seu relato por WhatsApp (11) 9-7069-8639 ou para o email blitzestadao@estadao.com.