Império de Casa Verde fala da visão em seu enredo

Estadão

17 Fevereiro 2012 | 19h38

A Império de Casa Verde traz elementos como reflexão, transparências e formas de se enganar a visão por meio de simples desenhos para a avenida.

De acordo com a descrição do enredo no site da escola, a ideia é mostrar ‘como funciona um olho e como elementos cristalinos modificam e iludem o olhar’.

Veja o samba-enredo da Império de Casa Verde:

Na ótica do meu Império o meu foco é você
Autores: Turco, Bruninho, Jorginho Soares, P.H., Sergio, Luis, Fabiano  Sorriso, V. Tomageski

Vem meu amor
Olha pra mim, sou Casa Verde na avenida
Vem pra ver, essa viagem que fascina
Brilhou o sol do Egito
No vidro a transformação
Surgiram criações
Moldaram a historia, das civilizações
Da literatura a proteção solar
Clara e cristalina para enxergar
Poder de aumentar
Visualizar, fotografar

To nessa onda de esquimó e vou zoar
Pra embalar, tem rock pra gente dançar
Vou mergulhar na moda de um profissional
Entra em cena nossa tribo e carnaval……….

Tão pequenino pra ver
Mas nas lentes vou ter a precisão
Tanta beleza nessa noturna visão
Eu vi do céu a terra é azul
No raio de luz, tecnologia
Posso observar toda magia
Que tem o universo
Se Deus é por nós
Minha caçula canta em uma só voz
És a razão do meu viver, meu bem querer
O foco é você

Refletindo no espelho…. eu vi
Na imagem meu Império…. feliz
E na lente uma visão que faz sonhar
Lá vem o tigre seduzindo o seu olhar

Acompanhe notícias, fotos e vídeos do Carnaval 2012