Dragões da Real desfila sob chuva com alegorias caprichadas

Estadão

09 Fevereiro 2013 | 04h42

Sabedoria, força, fogo, mistério… e chuva. No último dia do ano do dragão chinês, a Dragões da Real homenageou seu símbolo no carnaval paulistano. Com pouco mais de 10 minutos de desfile, a chuva caiu forte sobre a agremiação que surgiu de uma torcida organizada do São Paulo Futebol Clube. Por conta disso, boa parte do público procurou abrigo e as arquibancadas ficaram vazias durante o início da apresentação.

[galeria id=5795]

Chamou a atenção a boa apresentação da comissão de frente da Dragões, com uma trupe mambembe conduzida por um bobo da corte. O grupo realizava várias trocas de roupa ao longo do desfile. Uma ala de baianas veio na sequência, antecedendo o enorme carro abre-alas, com um enorme dragão cuspindo fumaça e vigiando um castelo.

A escola misturou histórias de vários cavaleiros, herois e vilões de culturas diferentes, como a grega, egípcia, asteca e indiana. As fantasias estavam caprichadas e com cores bem distribuídas pela avenida, como a da bateria, com chapéus de cabeça de dragão. Não faltaram menções aos romances de J.R.R. Tolkien e ao Conde Drácula. Nas referências mais infanto-juvenis, houve espaço para Harry Potter, Dragon Ball Z e Caverna do Dragão no desfile.

+ Ouça os enredos das escolas de SP
+ Confira a ordem dos desfiles de São Paulo
+ ESPECIAL: saiba tudo sobre o Carnaval 2013

Em contraste com a escola anterior, a X-9, que mostrou carros alegóricos com problemas de acabamento, a Dragões caprichou nas alegorias. Além do abre-alas, o carro dos cavaleiros da távola redonda, o do trem fantasma no parque de diversões e o do templo chinês se destacaram. O último carro trouxe o dragão coroado como rei do carnaval.

1_dragao.jpg

Confira os destaques do desfile:

05h57 – THIAGO DANTAS: A chuva, que havia dado uma trégua no início dos desfiles do Grupo Especial, voltou a cair quando entrou a Dragões da Real entrou na avenida.

1_chuva_daniel_teixeira.jpg

06h07 – A bateria da Dragões da Real entra no recuo. A rainha é a Simone Sampaio.

06h23 – O carnavalesco responsável pelo desfile deste ano é André Cesari, que leva à avenida cinco carros alegóricos e cerca de 3.000 componentes.

1_carro_legal.jpg

06h42 – Termina o desfile da Dragões da Real.

07h00 – NATALY COSTA: Mesmo com chuva, a recém-chegada ao grupo especial Dragões da Real não desanimou. “Que venha chuva. No ano que a gente subiu (2011) também choveu”. Uma das alas da escola era em homenagem a Harry Potter, com todos os integrantes de peruca e óculos imitando o personagem.

1_harry.jpg

Com informações de Roberto Lira, da Agência Estado.