Perguntas hermenêuticas

Paulo Rosenbaum

06 Julho 2018 | 11h00

Sonhei que estava no mundo bizarro e o Supremo era só uma vara de pequenos casos. Lá era permitido que um leigo como eu fizesse perguntas mesmo que fossem muito impertinentes.  

Lancei a primeira

— O respeito à hierarquia jurídica é religioso?

Eu ouvia uma música e um coro de fundo e achei que a turma estava vendo o jogo: “O campeão voltou, o campeão voltou eeeee o campeão voltou, o campeão voltou”

Achei bizarro para um ambiente que deveria ser formal, mas recorri ao meu espirito condescendente, afinal Copa é Copa.

Quando fui insistir em mais perguntas veio um múrmurio arrogante e mal humorado, eu tentei amenizar pois senti que poderia sair de lá com um processo de bobeira:

–É que eu sempre achei que a justiça fosse uma ciência baseada na hermenêutica.

Um deles, parecia funcionário de carreira, me atirou um formulário em seis vias

— Preencha e deixe suas perguntas por escrito, nosso prazo de resposta para respostas não partidárias é de até 14 anos.

Sem muitas opções, preenchi todo os formulários e com a convicção de confiança de que podemos todos confiar no sistema fiz as seguintes perguntas, esperando que meus netos recebessem as respostas no devido prazo legal:

Perguntas hermenêuticas 1:

Se as leis são elaboradas por infratores das leis, qual seria o alcance e a legitimidade destas leis?

Perguntas hermenêuticas 2

Se a interpretação da constituição está sendo feita de acordo com um juizo baseado em uma ideologia política apriorística, onde entra o papel hermenêutico do tribunal?

Perguntas hermenêuticas 3

Se um tribunal da alta corte abdica de sua função de interpretar a constituição, e se é ela a “guardiã dos direitos fundamentais do cidadão” para que e a quem serve este tribunal?

Perguntas hermenêuticas 4

A grande maioria das leis promulgadas não são respeitadas. O parlamento é uma usina de leis. Consulto se não seria o caso de proibir qualquer nova lei até que as vigentes fossem cumpridas?

Perguntas hermenêuticas 5
A carta constitucional alega que o legislador foi empossado para aperfeiçoar o País e criar melhores condições para nós, o povo. Se isto não acontece estamos diante do artigo “desvio de função”?

Perguntas hermenêuticas 6
Quem a PGR procura?
A OAB está em ordem?
A CGU está controlando?

Perguntas hermenêuticas 7

Tivemos todo esse este trabalho foi só para substituir a ditadura por monocratismo jurídico?

Perguntas hermenêuticas (última)
Quem interpreta o interpretador?