>@ Direito – Economia – Sociedade: Pecunia non olet, mas mancha o lençol…

Rafael Mafei Rabelo Queiroz

21 Outubro 2011 | 10h59

>

O blog Direito – Economia – Sociedade é tocado por uma equipe de alunos e pesquisadores coordenados pelo professor Marcus Faro de Castro, da UNB. Tem um bom repertório de textos que fazem leituras jurídicas críticas de temas relevantes para políticas econômicas e sociais, desde responsabilidade civil e liberdade de expressão até inflação ou política fiscal.

Marcus Faro de Castro é um professor de primeira grandeza, reconhecido e respeitado há tempos por juristas e cientistas sociais em geral. Para mais informações sobre ele, confiram sua página pessoal na UnB aqui. Há um artigo dele que às vezes uso nos meus cursos de metodologia de pesquisa jurídica (o texto já está um pouco datado, mas continua sendo bom) sobre judicialização da política no STF cuja leitura vale a pena. Disponível gratuitamente, como todos nós gostamos, na Revista Brasileira de Ciências Sociais (confira aqui).

O arquivo do Direito – Economia – Sociedade é bastante grande. Os marcadores são bem organizados, permitindo boa navegação por seu conteúdo.

Ao procurar um bom texto para lhes oferecer como exemplo do conteúdo do blog, uma postagem capturou instantaneamente a atenção da minha mente perturbada: uma cidade passa a tributar o sexo praticado comercialmente em seu território. Será isto certo ou errado, juridicamente? Ao que tudo indica, pecunia non olet, mas mancha o lençol… Confira a resposta do pessoal do D-E-S aqui, e não deixe de navegar por todo o conteúdo do blog.