Por dentro de Stonehenge

Por dentro de Stonehenge

Edmundo Leite

22 de julho de 2010 | 17h00

0stonehange04

Objeto de especulações de historiadores, arqueólogos, astrólogos, bichos grilos, crentes em vidas extraterrestres e toda espécie de palpiteiros, o círculo de pedras de Stonehenge voltou aos noticiários com o anúncio da descoberta de um novo círculo enterrado nas proximidades. Em vez de pedras, o novo achado é formado por postes de madeiras, segundo anúncio feito por arqueólogos.

Um dos monumentos mais intrigantes da humanidade, Stonehenge é uma das atrações turísticas de maior sucesso na Inglaterra. Além do fluxo normal de turistas, anualmente milhares de pessoas vão ao local para festejar o solstício de verão no hemisfério norte.   Mesmo quem não veja significado superior algum no lugar reconhece o encanto do agrupamento de pedras num curioso mosaico.

Quem já foi diz que é inesquecível. Quem não tiver oportunidade de ir, ou se quiser relembrar, pode andar pelo coração do círculo de pedras através da ferramenta  Street View (Vista da Rua)  do Google Mapas.

O interior do monumento  foi fotografado pela equipe do site com  um triciclo  equipado com câmeras semelhantes às usadas para fotografar as ruas das cidades com carros.   Basta o mouse ou as setas do teclado para caminhar por dentro do círculo como um visitante que foi ao local. Bom passeio.

0stonehange05

0stonehange06

0stonehange03

Em azul, as rotas de caminhada em Stonehenge no Street View:

0stonehange02

0stonehange01

Veja como foram feitas as imagens:

# Stonehenge (site oficial)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.