Cerca de 400 universitários participam da Semana Estado de Jornalismo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cerca de 400 universitários participam da Semana Estado de Jornalismo

Carla Miranda

18 Outubro 2016 | 19h11

Ana Rute Ramires e Julia Ionele são da Universidade Federal do Ceará

Ana Rute Ramires e Julia Ionele são da Universidade Federal do Ceará

Por Elisa Clavery e Paulo Beraldo

O primeiro dia da Semana Estado de Jornalismo de 2016 reuniu cerca de 400 estudantes de Jornalismo, de várias partes do país. Neste ano, o evento aborda o tema “Grandes Coberturas: quando o jornalismo vira maratona”. Além de assistirem, nesta terça-feira, a palestras sobre as coberturas da Lava Jato e do desastre de Mariana, os universitários que participarem de todos os dias de palestras podem produzir uma reportagem sobre as inovações digitais que facilitam o dia a dia e concorrer a um intercâmbio de um semestre letivo na Universidade de Navarra, na Espanha.

As amigas Julia Ionele e Ana Rute Ramires, ambas de 22 anos, vieram da Universidade Federal do Ceará (UFCE) para assistir à programação. Para Ana Rute, que estagia na editoria de Cidades num jornal local, o melhor foi saber mais sobre o que acontece nos bastidores da cobertura política. “Foi importante saber sobre essas coisas mais práticas, por exemplo, como conseguir fontes e analisar dados. Sempre pensei que era muito mais complicado”, disse a estudante.

Já Julia contou um pouco sobre a cobertura política no Ceará. “É difícil cobrir política lá. Tem cadernos bons sobre o assunto, mas a dimensão é menor para cobrir algo a nível nacional, e os jornais sofrem influência dos políticos locais”, diz.

Da Faculdade Integrada Rio Branco, em Guarulhos, Caroline Fernandes Santos, de 19 anos, veio pela segunda vez à Semana Estado — no ano passado, porém, acompanhou o evento com foco no Jornalismo Ambiental. Ela planeja participar do concurso de reportagens, mas ainda não pensou no tema. “Já tenho alguma ideia sobre o que falar, abordar alguns aplicativos, mas ainda preciso aprofundar”, diz Caroline, que elogia o tema deste ano. 

O tema da reportagem para ganhar uma bolsa em Navarra também virou assunto entre os universitários Matheus Nobre, de 21 anos, João Pedro Moretzsohn, de 26, e Rafael Loreto, de 26, do Ibmec-Rio. “É preciso encontrar um bom gancho para o assunto, que já foi bastante abordado”, diz João Pedro.

Matheus Nobre, João Pedro Moretzsohn e Rafael Loreto são do Ibmec-Rio

Matheus Nobre, João Pedro Moretzsohn e Rafael Loreto são do Ibmec-Rio

O que agradou Rafaela Nogueira, da Unesp de Bauru, foi a proximidade com o trabalho dos repórteres que vieram às palestras, principalmente Julia Affonso e Kelli Kadanus. “Elas são extremamente jovens e estão ali. Dá para eu me ver nelas”, comenta a estudante de 21 anos.

Vinicius Brito, aluno da Universidade Municipal de São Caetano do Sul, gostou de entender os bastidores do trabalho jornalístico. “Além disso, é uma ótima oportunidade para fazer contatos”, disse.

Alunos de São Caetano do Sul vieram para a Semana Estado

Alunos de São Caetano do Sul vieram para a Semana Estado

Nos próximos dias, os participantes vão ouvir palestras sobre “Bastidores de uma corrida eleitoral” e “Gastos públicos em foco”, nesta quarta-feira; “Jornalismo e direitos humanos” e “Os caminhos da mobilidade urbana”, na quinta-feira; e “Em busca de paz: a crise dos refugiados” e “Fôlego na cobertura política”, na sexta-feira, dia de encerramento do evento.

Lauren Alessandra Rodrigues de Oliveira e Lucas Monteiro são da Universidade de Sorocaba (Uniso) elogiaram a palestra sobre política:

Lauren Alessandra Rodrigues de Oliveira e Lucas Monteiro são da Universidade de Sorocaba (Uniso) elogiaram a palestra sobre política: “Provaram que cobrir política não é um bicho de sete cabeças”