As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dicas para deixar o seu blog popular no Google

Redação

22 Setembro 2011 | 13h00

Comece pelo título. Isso mesmo, coloque todas as palavras-chave do seu texto bem ali, pois o título que você escolher será também a url do seu post. E é por ali que o Google vai indexar o seu blog e dar a ele maior visibilidade. Ele é muito mais importante que as tags. A próxima dica é um pouco antijornalística, mas vale muito: repita as palavras-chave no texto, especialmente nos primeiros parágrafos. Tá vendo ali nas três primeiras linhas? Google, blog, dica… Estas e outras ideias foram apresentadas para os focas no encontro que tivemos nesta quarta-feira com Margot Pavan, especialista em mídias digitais. São estratégias de otimização dos mecanismos de busca, ou Search Engine Optimization (SEO).

Margot ressaltou que, atualmente, as pessoas estão chegando aos textos muito mais por meio dos buscadores do que pelas homepages dos portais. E disse ainda que uma pesquisa da iProspect revelou que 72% das pessoas que fazem buscas na internet clicam só no 1º link. E que 88% dos internautas vão até no máximo o 3º link antes de refazer a busca. Daí a importância de se dar atenção redobradas às palavras-chave, especialmente no título. Outra boa dica é colocar palavras ou expressões principais  em negrito. Elas ajudam o leitor a ter uma ideia do assunto sobre o qual você está falando, e o negrito também é valorizado pelo buscador.

Dê um cuidado especial às imagens. Nada de deixar o arquivo da foto com aquele nome bonito IMG123.jpg, pois os títulos dos arquivos também entram na ferramenta de busca. Ah, e o Google não lê Javascript, Flash, iFrames. Portanto, essas linguagens não vão melhorar o seu ranking. Crie links internos, dê links externos. A prática de linkagem é fundamental para melhorar o ranqueamento do seu site. Procure também segmentá-lo: divida o conteúdo em tópicos, crie
blocos linkados, etc. Mas nada de usar o famoso “clique aqui”. Este é o pior dos erros. O Google vai entender que a palavra importante para você é o ‘aqui’, e não o real assunto do seu link. Use, por exemplo, “clique para saber mais sobre otimização dos mecanismos de busca”.

Abuse destas ferramentas do Google: Google Analytics, Google Insights, Google Trends, Google AdWords, Google’s Related Searches. Lembre-se de que as pessoas é que lêem o que você escreve, mas elas chegam até o seu texto por meio de um robozinho, o crawler, que faz o incrível trabalho de achar as respostas certas (ou quase) para todas as suas dúvidas.

Por último e não menos importante: faça propaganda de si mesmo. Deixe a vergonha de lado e divulgue no Facebook, peça para os amigos comentarem, coloque no Twitter, ache um espaço pra por o seu link no blog dos outros. Tudo isso funciona! Estou indo fazer o teste agora mesmo.

Heloisa Aruth Sturm, de 29 anos, é formada em Direito e em Jornalismo pela Universidade de São Paulo (USP)