O fechamento
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O fechamento

Redação

30 Novembro 2010 | 20h38

* Texto escrito na sexta-feira, 26

São 22h e estou na sala dos focas. Não sei quando vou sair. A densidade populacional por aqui é atípica a essa hora da noite. Vários colegas estão focados em suas reportagens. O cansaço é visível no rosto de todos. As meninas ostentam aquela maquiagem de fim de dia. Os cabelos estão um pouco desgrenhados. Um pedaço de pão e queijo minas ajudam a matar a fome. O chocolate serve para dar ânimo.

Sexta-feira de noite e, pela primeira vez, não surgiu um e-mail no grupo perguntando “Qual é a boa de hoje”? Não vai ter barzinho na Vila Mariana para

ninguém. É provável que alguém passe a madrugada aqui ou vá trabalhar em casa. O sábado promete ser tenso, um último suspiro para reajustar lides.

Isso se chama fechamento. É aquele clima de aluno que precisa entregar o TCC. Na gíria da redação, é pescoção.

E como tenho umas duas páginas standard para me preocupar, o texto fica por aqui.

Bruna Maia, de 24 anos, é formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Mais conteúdo sobre:

Bruna Maiasuplemento