As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Zero Hora aposta em renovação digital

Carla Miranda

22 Outubro 2014 | 20h55

Na segunda rodada de palestras desta quarta-feira, 22, o tema era a inovação nos portais. Marta Gleich, diretora de redação do jornal Zero Hora, trouxe a experiência do jornal do Rio Grande do Sul para os alunos da Semana Estado de Jornalismo. As mudanças pelas quais passou o veículo resultaram na conquista de 1 milhão de fãs no Facebook em apenas um ano. Segundo Marta, tudo tem que ser feito pela perspectiva do público. “Se a comunicação está em constante movimento, a Zero Hora se prepara hoje para o mundo de amanhã”, diz. 

Dentre as inovações do portal, os processos de fluxos e publicações foram redefinidos. A integração entre as áreas digital e impressa foi um ponto crucial. A linguagem das redes sociais foi incorporada às matérias de entretenimento, assim como novos formatos de comunicar a notícia a exemplo de humor em vídeos, listas, infografia e um contato mais próximo ao leitor. “O jornalista não é uma máquina, é uma pessoa que responde ao leitor. Essa é a linguagem da internet, tem que aproveitar isso”, diz.

Marta também destacou a atração de talentos digitais e o empoderamento dos jovens a partir de cargos criados especificamente para eles.“Eu deixei eles discutirem sozinhos e eles encontraram um modelo de informação. É importante colocar jovens em cargos- chave e criar cultura digital através de treinamento”, opina. 

Para a editora, os hábitos do consumidor de informação hoje são totalmente diferentes de outras gerações. “Tem empresas mais ligadas no que está acontecendo e outras não. Quem não acompanhar isso vai perder totalmente esse trem e ficar para trás”, diz.