A volta de Lula ao jogo político; ouça no ‘Estadão Notícias’

A volta de Lula ao jogo político; ouça no ‘Estadão Notícias’

Gustavo Lopes Alves

12 de março de 2021 | 00h10

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, soltou uma bomba atômica – como definiu o colega de corte, Marco Aurelio Mello – ao anular,  no início desta semana, todas as condenações do ex-presidente Lula proferidas pela Justiça Federal do Paraná, e também pelo juiz Sergio Moro. Com isso, as ações do triplex do Guarujá, do sítio de Atibaia e duas ações relacionadas ao Instituto Lula foram transferidas para a Justiça Federal do Distrito Federal. A partir da decisão de Fachin, Lula se tornou elegível novamente.

Mas esse foi apenas um dos golpes sofridos pela Lava Jato e por Sergio Moro, nesta semana. Na terça-feira, a Segunda Turma do STF colocou em julgamento o pedido de suspeição do ex-juiz, feito pela defesa de Lula, que tenta provar que o ex-ministro de Bolsonaro foi parcial na sua condenação. A sessão foi marcada por duras críticas feitas pelos ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. O julgamento, que está 2 a 2, foi paralisado pelo ministro Kassio Nunes Marques.

Esses são os temas que guiam nossa conversa quinzenal do “Poder em Pauta” com os repórteres que acompanham o dia a dia dos três Poderes da República: Executivo, Legislativo e Judiciário. Participam no episódio de hoje do Estadão Notícias Rafael Moraes Moura e Felipe Frazão, diretamente de Brasília.

Estadão Notícias está disponível no SpotifyDeezerApple PodcastsGoogle Podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.

Apresentação: Emanuel Bomfim
Produção/Edição: Ana Paula Niederauer, Bárbara Rubira e Gustavo Lopes
Sonorização/Montagem: Moacir Biasi

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.