Até quando militares vão “bancar” aventuras de Bolsonaro? Ouça no ‘Estadão Notícias’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Até quando militares vão “bancar” aventuras de Bolsonaro? Ouça no ‘Estadão Notícias’

Gustavo Lopes Alves

05 de maio de 2020 | 06h00

Após ter a nomeação do seu escolhido para direção-geral da Polícia Federal barrada pelo Supremo Tribunal Federal, Jair Bolsonaro diz que “chegou no seu limite”, e que fará “cumprir a Constituição a qualquer preço”. O discurso exaltado do presidente aconteceu em mais uma manifestação de caráter antidemocrático, em que se pedia a intervenção militar. Aliás, no mesmo discurso, Bolsonaro afirmou que conta com o apoio das Forças Armadas. No entanto, militares foram enfáticos em dizer que respeitam todos os poderes e a Constituição. Especialistas analisam que o tom extremado reforça a perda de apoio do presidente. Que estratégia justificaria os constantes avanços nessa escalada mais radical?

Na edição de hoje, vamos abordar esses assuntos com o repórter especial do Estadão, Roberto Godoy e com o cientista político da FGV, Eduardo Grin. No quadro “Fique em Casa”, Renata Cafardo entrevista Ana Maria Diniz, empresária e presidente do Instituto Península, sobre como está encarando o período de quarentena e autoisolamento.

OUÇA O ‘ESTADÃO NOTÍCIAS’ TAMBÉM NO YOUTUBE

Todas as edições deste podcast também são publicadas no canal do Estadão no Youtube. Para ouvir gratuitamente nesta plataforma, é só clicar aqui.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.