‘Conexão Estadão’: Eleição no Rio será tomada de incertezas
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Conexão Estadão’: Eleição no Rio será tomada de incertezas

Gustavo Lopes Alves

22 Novembro 2017 | 19h39

O ‘Conexão Estadão’ desta quarta-feira, 22, analisou a prisão do casal Garotinho no Rio de Janeiro, apontados pelo Ministério Público Eleitoral como suspeitos de crimes de corrupção, concussão, participação em organização criminosa e falsidade na prestação de contas eleitorais. Ouça o podcast no player abaixo:

Ainda no ‘Conexão’, o vai e vem dos ministros. A Secretaria de Comunicação Social informou oficialmente que o ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, continuará no cargo. A Secom confirmou que há conversas sendo feitas em torno da possível substituição do tucano pelo deputado Carlos Marun (PMDB-RS), mas que o presidente Michel Temer ainda vai fazer novas conversas para bater o martelo.

O programa também tratou da reforma da previdência. Uma série de modificações serão feitas para tentar aprovar o texto. Em reunião, o PSDB avisou que não fechou questão sobre o assunto e seus deputados poderão votar como quiserem. Esta edição do ‘Conexão Estadão’ tem apresentação de Emanuel Bomfim e comentários de Pedro Venceslau, repórter de política do Estadão e Sílvia Araújo, editora do Broadcast/Agência Estado. O programa também é veiculado de segunda a sexta, sempre às 18h, na Rádio Eldorado (FM 107,3).

Você pode participar com sugestões e comentários em nossa produção de podcasts. Aguardamos o seu e-mail no seguinte endereço: podcast@estadao.com

O Ex-governador da cidade do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, que foi preso nesta quarta feira (22), deixa o Instituto Médico Legal (IML) após realizar exame de corpo de delito. FOTO: WILTON JUNIOR/ESTADAO