Correspondente nos EUA relata drama de brasileiros em meio à pandemia; ouça no ‘Estadão Notícias’

Correspondente nos EUA relata drama de brasileiros em meio à pandemia; ouça no ‘Estadão Notícias’

Gustavo Lopes Alves

16 de abril de 2020 | 06h00

Quando pensamos em isolamento social e os problemas que ele traz para os autônomos e mais pobres, logo imaginamos essa circunstância em nosso País. No entanto, pelo mundo, existem brasileiros que estão em situação de vulnerabilidade por causa das políticas mais restritivas adotadas por outras nações. Nos Estados Unidos, os imigrantes, principalmente os ilegais, passam por necessidades que vai do desemprego à falta de acesso ao sistema de saúde em meio a pandemia do coronavírus. Os norte-americanos também estão em isolamento mais restritivo, pois o país se tornou o principal epicentro de transmissão da Covid-19, e com isso, o desemprego aumentou e a situação financeira de muitos é delicada.

Na edição de hoje, Beatriz Bulla, correspondente do Estadão em Washington, conta como esses brasileiros estão sendo ajudados em meio a pandemia. Confira ainda no podcast o quadro “Fique em Casa”. Hoje, Renata Cafardo entrevista a cantora Luedji Luna sobre como está encarando o período de quarentena e autoisolamento.

OUÇA O ‘ESTADÃO NOTÍCIAS’ TAMBÉM NO YOUTUBE

Todas as edições deste podcast também são publicadas no canal do Estadão no Youtube. Para ouvir gratuitamente nesta plataforma, é só clicar aqui.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.