‘Direita autoritária’ se impõe em WhatsApp de grevistas; ouça no ‘Estadão Notícias’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Direita autoritária’ se impõe em WhatsApp de grevistas; ouça no ‘Estadão Notícias’

Emanuel Bomfim

30 Maio 2018 | 06h00

A mobilização dos caminhoneiros na greve, ainda que pulverizada, teve como principal ferramenta o serviço de troca de mensagens WhatsApp. Diversos grupos formados no aplicativo serviram de base de coesão e tomada de decisões frente ao rumo das manifestações. Mesmo diante de negociações oficiais estabelecidas com o governo, elas não tinham valor se não fossem chanceladas nestes grupos de WhatsApp.

Fomos entender melhor este fenômeno numa conversa com Pablo Ortellado, professor e pesquisador do Monitor do Debate Político no Meio Digital da Universidade de São Paulo (USP). Para ele, “a mobilização resiste porque tem organização própria e que tem a ver com a dinâmica do WhatsApp”. Ortellado ainda avalia que grupos da direita se mostraram mais eficazes em influenciar os manifestantes. “Sobretudo uma direita mais autoritária. Ela está muito ativa. Conseguiu se conectar com essa mobilização e está conseguindo dar uma espécie de orientação política a esse movimento, impondo a agenda da intervenção militar para setores amplos. Uma perigosa ascendência da direita autoritária sobre esse movimento”, avalia.

 

Você pode participar com sugestões e comentários em nossa produção de podcasts. Aguardamos o seu e-mail no seguinte endereço: podcast@estadao.com.

 

AGORA ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão acabam de ganhar um novo canal de distribuição: o serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

O ‘Estadão Notícias’ é um dos poucos podcasts disponibilizados na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

 

Bloqueio de caminhoneiros grevistas no trevo de Santa Isabel, Rodovia Presidente Dutra (Foto: JF Diorio/Estadão)