Eliane: “Agora, a regra é ‘um manda e todos obedecem’ – os militares”

Laís Gottardo

10 de maio de 2022 | 10h49

O ministro da Defesa, general Paulo Sérgio de Oliveira, não quer se ver enrolado em nova acusação de quebra de sigilo funcional e, por isso, pediu autorização ao ministro Edson Fachin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para divulgar o documento criado por seu subordinado, general Heber Garcia Portella, sobre as urnas eletrônicas. Paulo Sérgio escreveu ainda que teve de lidar com o pedido de acesso aos dados feito pelo deputado bolsonarista Filipe Barros (PL-PR). “O que o ministro falava era o oposto do que o presidente falava; ninguém achava que ele seria o novo comandante do Exército. Agora, a regra é ‘um manda e todos obedecem’ – os militares, mas eles estão se cansando”, diz Eliane.

O novo aumento no preço do diesel nas refinarias, anunciado nesta segunda-feira, 9, pela Petrobras, elevará o custo do frete e resultará em aumento de preços dos produtos no varejo, alertou o presidente da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos Automotores (Abrava), Wallace Landim, conhecido como Chorão. “Caminhoneiros não têm liderança única, mas têm uma rápida capacidade de mobilização, então têm poder de pressão. O Gabinete de Segurança Institucional tem contatos com líderes para impedir, mas para conter não é só papo, tem que ter ação também”, opina Cantanhêde.

#PerguntePraEliane

Os ouvintes podem mandar perguntas para Eliane Cantanhêde pelas redes sociais da Eldorado e pelo WhatsApp no quadro #PerguntepraEliane. Para participar, basta encaminhar suas perguntas com essa hashtag para o perfil da Rádio Eldorado no Facebook, cujo endereço é facebook.com/radioeldorado. O perfil do Twitter é @eldoradoradio e do Instagram, @radioeldorado. O telefone para participar via WhatsApp é (11) 99481-1777.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Editorial Estadão”) para você ter acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.