Eliane: “Agosto terá, de um lado, CPI do MEC e, do outro, pacote de bondades”

Laís Gottardo

05 de julho de 2022 | 10h43

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) promete colocar no Congresso nesta terça mais de mil prefeitos de todo o País numa mobilização contra as medidas que vêm sendo aprovadas recentemente pelo governo federal, Congresso e Supremo Tribunal Federal que aumentam gastos e reduzem receitas dos municípios. A poucos meses das eleições, a CNM denuncia que essa ofensiva, batizada de “pauta grave dos três Poderes”, já tem custo imediato de R$ 73 bilhões por ano com as decisões já aprovadas. “Os prefeitos têm cálculos muito sólidos sobre as perdas que terão com essas PECs. As pessoas moram na base, nos municípios, e é ali que pega fogo; é ali que eles estão cara a cara com os cidadãos e os problemas gigantescos que o Brasil está enfrentando”, diz Eliane.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), deve autorizar a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Ministério da Educação nesta terça-feira, 5, para investigar o gabinete paralelo na pasta, esquema revelado pelo Estadão. A oposição espera começar a apuração — com audiências, convocações e quebras de sigilo — em agosto, no mesmo mês de início da campanha eleitoral, tendo o presidente Jair Bolsonaro (PL) como alvo das diligências. “Pacheco não é muito animado com CPIs mas já demonstrou que não fará pressão contra ou a favor; vai agir como magistrado. De um lado, agosto começa com a CPI do MEC, provavelmente, e de outro, Bolsonaro esquentando sua campanha com o pacotão de bondades com o dinheiro público”, diz Cantanhêde.

#PerguntePraEliane

Os ouvintes podem mandar perguntas para Eliane Cantanhêde pelas redes sociais da Eldorado e pelo WhatsApp no quadro #PerguntepraEliane. Para participar, basta encaminhar suas perguntas com essa hashtag para o perfil da Rádio Eldorado no Facebook, cujo endereço é facebook.com/radioeldorado. O perfil do Twitter é @eldoradoradio e do Instagram, @radioeldorado. O telefone para participar via WhatsApp é (11) 99481-1777.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Editorial Estadão”) para você ter acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.