Eliane analisa chegada de Bolsonaro para a Assembleia da ONU

Laís Gottardo

20 de setembro de 2021 | 10h55

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, direcionou R$ 1,4 milhão do orçamento secreto para a obra de um mirante turístico vizinho a um terreno onde construirá um condomínio privado no município de Monte das Gameleiras, no agreste do Rio Grande do Norte. A atração turística fica a cerca de 300 metros da propriedade do ministro.

Depois de entrar pela porta dos fundos do Hotel Intercontinental Barclay, em Nova York, para driblar manifestantes, o presidente Jair Bolsonaro aproveitou a noite de domingo, 19, para comer pizza na calçada de um restaurante próximo ao local em que está hospedado. A pizzaria não possui espaço interno para refeições. No jantar, Bolsonaro esteve acompanhado de parte da comitiva que o acompanha na viagem. O grupo está na cidade para participar da Assembleia-Geral das Nações Unidas (ONU).

A Prevent Senior afirma que vai provar à CPI da Covid que os médicos por trás das denúncias que apontam ocultação de mortes em estudo sobre a eficácia da hidroxicloroquina contra a covid-19 e utilização do remédio sem anuência de pacientes mentiram. O depoimento do diretor executivo da companhia, Pedro Benedito Batista Júnior, está marcado para quarta-feira, 22, no Senado.

#PerguntePraEliane

Os ouvintes podem mandar perguntas para Eliane Cantanhêde pelas redes sociais da Eldorado e pelo WhatsApp no quadro #PerguntepraEliane. Para participar, basta encaminhar suas perguntas com essa hashtag para o perfil da Rádio Eldorado no Facebook, cujo endereço é facebook.com/radioeldorado. O perfil do Twitter é @eldoradoradio e do Instagram, @radioeldorado. O telefone para participar via WhatsApp é (11) 99481-1777.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Editorial Estadão”) para você ter acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.