Eliane: “O governo deu xeque mate na oposição com a PEC”

Laís Gottardo

01 de julho de 2022 | 10h29

Com amplo apoio, incluindo da oposição, o Senado aprovou nesta quinta-feira, 30, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que turbina benefícios sociais às vésperas da eleição. Com mais um novo benefício, um auxílio-gasolina para taxistas, o custo do pacote que vai ficar fora do teto de gastos chega a R$ 41,2 bilhões. Foram duas votações. Na primeira, o placar foi de 72 a 1. Na segunda, foram 67 favoráveis e apenas 1 contrário. O texto agora segue para a Câmara dos Deputados. “O governo e os governistas deram um xeque mate na oposição, porque como votar contra em um momento de fome e dificuldades da população brasileira? Todo mundo sabe que é uma PEC eleitoreira para Jair Bolsonaro e danosa para o futuro. Ele está recorrendo à caneta, ao poder que um presidente da República tem”, diz Eliane.

As campanhas de Fernando Haddad (PT) e de Tarcísio de Freitas (Republicanos) vão investir na nacionalização da disputa pelo governo paulista como forma de garantir vaga no segundo turno. A avaliação é de que, ao refletir no Estado a disputa entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL), eles evitariam o avanço do governador Rodrigo Garcia (PSDB). O tucano é considerado por ambos o adversário mais difícil de ser derrotado por estar no comando da máquina pública estadual. “Há uma avenida para Rodrigo Garcia que está com a caneta e não tem o peso dos padrinhos”, opina Cantanhêde.

#PerguntePraEliane

Os ouvintes podem mandar perguntas para Eliane Cantanhêde pelas redes sociais da Eldorado e pelo WhatsApp no quadro #PerguntepraEliane. Para participar, basta encaminhar suas perguntas com essa hashtag para o perfil da Rádio Eldorado no Facebook, cujo endereço é facebook.com/radioeldorado. O perfil do Twitter é @eldoradoradio e do Instagram, @radioeldorado. O telefone para participar via WhatsApp é (11) 99481-1777.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Editorial Estadão”) para você ter acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.