‘Estadão Notícias’: Governo vai destravar com retorno de Bolsonaro? Ouça análise no podcast
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Estadão Notícias’: Governo vai destravar com retorno de Bolsonaro? Ouça análise no podcast

Emanuel Bomfim

14 de fevereiro de 2019 | 06h00

Após 17 dias de internação no hospital Albert Einsten, em SP, o presidente Jair Bolsonaro recebeu alta e, agora, está de volta ao Palácio do Planalto, em Brasília. Ainda que tenha exercido funções administrativas de dentro hospital, Bolsonaro não conseguiu evitar uma certa paralisia do governo neste período, em especial sobre a conclusão de uma proposta final para a reforma da Previdência.

A partir de agora, o presidente será testado exaustivamente em sua liderança, já que precisa conciliar expectativas da equipe econômica e política, estabelecer uma articulação eficaz junto ao Congresso e, de quebra, aparar arestas internas, como as desavenças entre seu filho, Carlos Bolsonaro, e o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno. Os desafios que lhe aguardam não são nada simples. Conversamos sobre o tema com o cientista político Humberto Dantas, convidado do episódio de hoje.

 

Confira ainda os comentários de José Nêumanne Pinto na coluna “Direto ao Assunto”.

 

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

 

(Foto: Dida Sampaio/Estadão)

 

Mais conteúdo sobre:

Jair Bolsonaroreforma da previdencia