‘Estadão Notícias’: Julgamento no STF define rumo da 2ª denúncia contra Temer
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Estadão Notícias’: Julgamento no STF define rumo da 2ª denúncia contra Temer

Emanuel Bomfim

20 de setembro de 2017 | 06h00

Após pedido da defesa do presidente Michel Temer, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, decidiu levar ao plenário da corte a decisão sobre a nulidade das provas obtidas na delação premiada de Joesley Batista e Ricardo Saud, do grupo J&F. O advogado de Temer pede que essa segunda denúncia, oferecida pelo então procurador-geral da República Rodrigo Janot, seja suspensa até que a investigação sobre os novos áudios seja concluída.

Para analisar o peso jurídico deste julgamento, edição de hoje do programa conversa com Rubens Glezer, professor de direito constitucional da FGV. “O tribunal pode, num primeiro momento, fazer uma análise bastante superficial sobre o cabimento ou não do pedido, sem entrar nos detalhes da denúncia”, explica. “Ou pode simplesmente começar a fazer um tipo de avaliação sobre a qualidade das provas da denúncia. E as repercussões políticas são gigantes porque se inverte a ordem institucional do processo”, opina Glezer. Ouça no player acima.

 

O programa de hoje também entrevista o repórter especial do Estadão, José Fucs. Ele está lançando o livro “A Reconstrução do Brasil”, com base na série de reportagens publicadas pelo jornal entre setembro de 2016 e janeiro deste ano.

 

Para participar do ‘Estadão Notícias’ com sua opinião ou mensagem, mande um email para: podcast@estadao.com

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

O ‘Estadão Notícias’ é um dos poucos podcasts disponibilizados na plataforma de streaming Spotify (conhecida pelo acervo musical). Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de buscas. Ou pode clicar diretamente neste link.

Relator da Lava Jato no Supremo, Edson Fachin (Dida Sampaio/Estadão)

 

Tendências: