‘Estadão Notícias’: Nova rodada de alta de impostos será inevitável, avalia economista
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Estadão Notícias’: Nova rodada de alta de impostos será inevitável, avalia economista

Emanuel Bomfim

16 Agosto 2017 | 06h00

Edição desta quarta-feira, 16, analisa os impactos da decisão do governo de elevar o rombo das contas públicas do País neste ano e no próximo. Em 2017, de R$ 139 bilhões para R$ 159 bi. Em 2018, de R$ 129 bi para os mesmos R$ 159 bilhões. Para o economista e ex-diretor do Banco Central, Luis Eduardo Assis, os novos compromissos fatalmente exigirão da equipe econômica a aplicação de uma nova rodada de aumento de tributos. “Não temos alternativa para resolver o tamanho desse déficit apenas controlando gastos”, pondera o entrevistado do programa.  Ouça no player abaixo.

Outro assunto do programa de hoje é o distritão, modelo de representação legislativa que foi aprovado ontem (15) em Comissão Especial da reforma política na Câmara dos Deputados. A previsão é de que esta e outras mudanças no processo eleitoral brasileiro sejam votadas em plenário na quarta-feira da semana que vem. Nós entrevistamos o Presidente da Associação Brasileira de Ciência Política, entidade que vem pressionando o Congresso Nacional para não levar adiante a polêmica proposta do distritão.

 

Para participar do programa com seu comentário ou sugestão, você pode mandar um email para: podcast@estadao.com

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

O ‘Estadão Notícias’ é um dos poucos podcasts disponibilizados na plataforma de streaming Spotify (conhecida pelo acervo musical). Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de buscas. Ou pode clicar diretamente neste link.

 

Os ministros Henrique Meirelles (Fazenda) e Dyogo Oliveira (Planejamento) detalham necessidade do aumento da meta fiscal (Andre Dusek/Estadão)