‘Estadão Notícias’: Queda de aprovação compromete futuro de Bolsonaro?
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Estadão Notícias’: Queda de aprovação compromete futuro de Bolsonaro?

Emanuel Bomfim

27 de agosto de 2019 | 06h00

São apenas oito meses de governo e o presidente Jair Bolsonaro já colhe uma taxa de avaliação negativa preocupante. Quase 40% desaprovam a gestão até aqui, segundo pesquisa recente da CNT/MDA. Desde que assumiu, Bolsonaro só perdeu simpatizantes. Está restrito cada vez mais a seu universo, daqueles mais identificados com a extrema direita. É a retórica virulenta que levou Bolsonaro a esse patamar? A médio prazo, o contexto de estagnação econômica pode colocá-lo numa situação ainda mais delicada?

Edição do “Estadão Notícias” desta terça-feira (27) analisa a queda de aprovação de Bolsonaro num papo com o editor da “Coluna do Estadão”, Alberto Bombig. Programa ainda entrevista o humorista Marcelo Madureira, hostilizado pelos bolsonaristas em protesto no Rio de Janeiro neste último domingo. Esse tipo de reação demonstra que só os mais radicais estão com o presidente?

 

OUÇA O ‘ESTADÃO NOTÍCIAS’ TAMBÉM NO YOUTUBE

Todas as edições deste podcast também são publicadas no canal do Estadão no Youtube. Para ouvir gratuitamente nesta plataforma, é só clicar aqui.

 

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

 

(Foto: Adriano Machado/Reuters)

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: