‘Expresso’: Bolsonaro questiona dados da ditadura, Neymar se livra de acusação e Brasil briga por topo no Pan
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Expresso’: Bolsonaro questiona dados da ditadura, Neymar se livra de acusação e Brasil briga por topo no Pan

Diego Henrique de Carvalho

30 de julho de 2019 | 13h37

Jair Bolsonaro (PSL) mantém tom crítico e questiona documento oficial sobre mortes na ditadura. “Não existem documentos (dizendo) se matou ou não matou. Isso é balela”, disse o presidente. Sobre o massacre no Centro de Recuperação Regional de Altamira (CRRALT), no sudoeste do Pará, Bolsonaro evitou lamentar a morte de 57 presos e rebateu quando questionado sobre o assunto: “Pergunta para as vítimas dos que morreram o que elas acham”.

No noticiário esportivo, a polícia conclui que faltam provas e decide não indiciar o atacante Neymar por estupro. E hoje, nos Jogos Pan-Americanos de Lima, o Brasil tem mais duas chances concretas de medalha de ouro. Ouça tudo isso e muito mais no Eldorado Expresso desta terça-feira, 30. Clique no player acima. Você também pode ouvir o programa ao vivo na Rádio Eldorado (FM 107,3), de segunda a sexta, a partir das 13h.

 

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Eldorado Expresso”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link (https://www.deezer.com/en/show/338832).

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY! Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Eldorado Expresso”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link (https://open.spotify.com/show/6EsaGNxhSXR2Fx6T7E6F25?

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.