Expresso: Congresso autoriza distribuição de (mais) benesses até a eleição

Laís Gottardo

14 de julho de 2022 | 13h27

Sem alarde, o Congresso aprovou um pacote que abre caminho para mais uma farra de distribuição de recursos públicos neste ano eleitoral. Em menos de vinte minutos, os parlamentares votaram dois projetos que tornam ainda mais oculto o orçamento secreto, autorizam o governo a distribuir de cesta básica a tratores no meio da campanha e permitem ao Executivo tirar verba já reservada a um município para colocar em outro, de acordo com conveniências políticas. As medidas contrariam pareceres técnicos, lei eleitoral e até a Constituição.

O presidente do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto, celebrou nesta quarta-feira, dia 13, a entrada de uma doação de R$ 1,25 milhão nos cofres da sigla. O aporte foi uma contribuição da família Koren de Lima, dona do plano de saúde Hapvida. A doação é a maior já recebida pelo PL na fase de pré-campanha eleitoral e, segundo dirigentes do partido, vai ajudar a pagar despesas relacionadas à promoção do presidente Jair Bolsonaro, que tentará a reeleição.

E mais: o garimpo ilegal de volta ao Rio Madeira e as orientações aos pais após a Anvisa aprovar a Coronovac para crianças de 3 a 5 anos. Ouça estas e outras notícias desta quinta-feira, 14, no “Eldorado Expresso”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.