Expresso: Documentos da Prevent foram ‘manipulados’, afirma diretor à CPI

Laís Gottardo

22 de setembro de 2021 | 13h29

Na tentativa de desmontar os argumentos que embasam sua convocação, o diretor Pedro Batista disse que dois médicos que faziam parte do quadro da Prevent Senior, mas que foram desligados em julho de 2020, “manipularam dados de uma planilha interna” para “tentar comprometer a operadora”. Segundo ele, depois de serem demitidos, os profissionais passaram a “acessar e editar” o arquivo com informações de pacientes. Ele classificou o dossiê entregue por médicos à CPI como uma “peça de horror produzida a partir de dados furtados de pacientes, sem nenhum autorização”. Ele afirmou que o dossiê foi adulterado para incluir erroneamente mortes que ocorreram após o dia 4 de abril, e acusou os autores do documento de tentar “ferir a imagem da Prevent Senior” na imprensa.

O advogado Mauro Menezes, que foi presidente do Conselho de Ética da Presidência de 2016 a 2018, reprovou o ato do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, de mostrar o dedo do meio para manifestantes em Nova York. Menezes também cobrou que o episódio seja apurado pelos atuais integrantes do Conselho de Ética, responsáveis por analisar se a conduta dos servidores públicos são compatíveis com o cargo. “Esse caso merece um procedimento, uma investigação em que o ministro seja chamado a se justificar e, se for o caso, ser sancionado por sua conduta sim”, disse ao Estadão

E mais: A crise hídrica, o risco de um apagão e os dez dias de fogo na Chapada dos Veadeiros, em Goiás. Ouça estas e outras notícias desta quarta-feira, 22, no “Eldorado Expresso”.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.