Expresso: EUA registram 1 milhão de mortos por covid

Laís Gottardo

12 de maio de 2022 | 13h27

Os Estados Unidos superaram nesta quinta-feira a marca de um milhão de pessoas mortas por causa da Covid-19, segundo informou a Casa Branca. Em comunicado, o presidente do país, Joe Biden, pediu aos norte-americanos que continuem “vigilantes” e lamentou as mortes. Os Estados Unidos detêm o recorde mundial de mortes por Covid-19. No mundo inteiro, mais de 6,2 milhões de pessoas perderam a vida por causa da doença, segundo a universidade Johns Hopkins, que monitora os casos em tempo real desde o início da pandemia.

A Finlândia confirmou nesta quinta que vai aderir à Otan, após a premiê e o presidente do país anunciarem apoio à candidatura do país à aliança militar. Assim, 78 dias após a invasão da Ucrânia pela Rússia, a Finlândia começa a se afastar de uma longa história de não alinhamento militar. O anúncio já era esperado. A opinião pública na Finlândia mudou significativamente a favor da adesão à Otan — de cerca de 20% a favor há seis meses para quase 80% agora.

E ainda: a inflação que gera fome e o acordo do TSE com o Spotify contra as fake news nas eleições. Ouça estas e outras notícias desta quinta-feira, 12, no “Eldorado Expresso”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.